Zimbra é a banda convidada em novo episódio do Mono Mono Sessions

zimbra_divulcacao

Formada em 2007, a Zimbra é hoje uma das bandas mais conhecidas do rock independente nacional. Tendo participado da última edição do Lollapalooza, que contou com as apresentações de Jack White, Robert Plant e Smashing Pumpkins, o grupo de Santos tem uma sonoridade diferenciada. Atualmente, eles estão em turnê divulgando o álbum lançado este ano, chamado “Azul” e é deste trabalho que eles tiraram as canções apresentadas neste 18º episódio do Mono Mono Sessions: “O Redator” e “Azul”.

Na busca por uma personalidade própria, a banda traz em seu disco melodias trabalhadas e poesia nas letras. A sonoridade soa sincera ao ouvinte que busca canções sensíveis e melancólicas. Produzido por Lampadinha, que trabalhou com nomes como Titãs, Charlie Brown Jr., Los Hermanos, e ainda ganhou dois Grammys Latinos, o trabalho ganha maturidade e nuances do pop rock, porém sem perder a singularidade. A influência musical de Zimbra varia de Tim Maia, Caetano Veloso e Djavan, até Beatles, Foo Fighters e Jamiroquai.

A Zimbra traz em seu currículo uma demo lançada em 2010 e dois EPs, “Cronograma”, de 2012, e “Mocado”, de 2014. O grupo é formado por Rafael Costa (voz), Vitor Fernandes (guitarra), Pedro Furtado (bateria) e Guilherme Goes (baixo).

O projeto de audiovisual Mono Mono Sessions tem direção geral de Taian Cavalca e Camila Oliveira. Taian também assina áudio e mixagem e Camila, a direção de fotografia. Captação e edição ficam por conta de Lucci Antunes. As gravações acontecem em um estúdio e casarão na Vila Mariana, zona sul de São Paulo. Já passaram pelo projeto nomes como Quarto Negro, Vivendo do Ócio, Bratislava, The Helio Sequence (EUA), Skeggs (Austrália), Sara não tem nome, Parati, Barro, Zé Pi, Séculos Apaixonados e Koogu.

Assista Zimbra no Mono Mono Sessions:

O Redator

Azul

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com