Tudo o que você precisa saber sobre como funciona o block, o flag e o strike em vídeos do YouTube

imagem_release_709286

ONErpm explica em uma animação didática o que pode e o que não pode ser feito ao publicar na maior plataforma de conteúdo digital do mundo

Você quer postar um vídeo no YouTube do seu filho andando de bicicleta pela primeira vez. Até aí, tudo certo. Mas, como está meio chato, decide colocar junto uma música de uma banda do momento. Pois bem, é possível que venha a ter um problema. Isso porque todo artista ou pessoa comum que cria uma obra tem direitos autorais sobre ela.

Para garantir a propriedade intelectual, de áudios ou vídeos, o YouTube conta com uma ferramenta chamada ContentID, que escaneia o conteúdo do site para detectar automaticamente uma reinvindicação de direitos autorais. Caso seja detectado que o vídeo enviado tem material protegido por seus criadores, as consequências podem ser: receber um block (bloqueio completo ou apenas em alguns territórios, do seu vídeo), um flag (aviso que você está usando um conteúdo protegido ou que a renda oriunda de anúncios do seu vídeo será revertida para a conta do artista que criou a obra) ou um strike (o dono do conteúdo pede a remoção do vídeo e o canal todo leva um Strike; com três Strikes o canal é bloqueado e deletado do youtube, sem direito a backup).

Ou seja: uma pessoa só pode fazer vídeos para o YouTube e sentir-se 100% segura se esse material for integralmente de sua autoria. Em qualquer outra situação, o criador original daquele conteúdo (seja uma música, filme, poesia, desenho, game etc.) poderá tomar as medidas cabíveis.

ONErpm, empresa líder em distribuição digital e que faz a notificação de conteúdo fora das normas, criou um vídeo de animação bem didático sobre a questão dos direitos autorais e o funcionamento do ContentID. Se for postar um vídeo, vale a pena conferir para evitar problemas:

Segundo Arthur Fitzgibbon, diretor da ONErpm Brasil e América Latina, caso o detentor dos direitos autorais esteja utilizando conteúdo de artistas da ONErpm em seu canal, parte da receita gerada irá para o artista por meio da própria empresa. “Em maio, nós, junto a equipe do YouTube, liberamos o repasse financeiro referente às visualizações de milhares de vídeos da plataforma às editoras”, conta. “Sabemos da dificuldade que os compositores, por exemplo, têm tido em recolher seus direitos. Empresas como o YouTube querem muito pagar os autores e ficamos felizes de poder contribuir com essa solução” completa.

O ContentID não faz distinção em relação ao tempo total de conteúdo, buscando apenas as instâncias de violação.

Como a ONErpm pode ajudar?

A network da ONErpm funciona como um guarda-chuva de canais individuais que, juntos, conseguem maior divulgação, remuneração e audiência para todo os vídeos. Mas a função principal é que a ONErpm atue como advogada, defendendo os interesses e direitos dos seus artistas e criadores. “Somos uma empresa com milhares de artistas e gravadoras, então se você receber alguma notificação da ONErpm saiba que não estamos querendo te prejudicar e sim proteger o conteúdo de quem confiou em nós”, explica Arthur.

Sobre ONErpm

A ONErpm, empresa líder em distribuição digital, vem contribuindo constantemente para a nova versão do mercado brasileiro de música. Com plataforma de tecnologia própria, a empresa desenvolve ferramentas e soluções práticas que ajudam os artistas a terem sucesso na nova economia musical a partir da distribuição em larga escala e oferecendo um planejamento com o apoio estratégico de marketing personalizado. A ONErpm atende grandes artistas como Michel Teló, Criolo, Racionais MC’s, Cláudia Leitte, Valesca Popozuda e Nando Reis, além de mais 34 mil artistas e selos em todo o mundo. Em maio de 2015, a empresa inaugurou seu primeiro estúdio audiovisual no Brooklyn (NY) com equipamentos de última geração e equipe especializada para atender qualquer membro da rede. Com escritórios em São Paulo e Rio de Janeiro, a ONErpm também atua em Buenos Aires, Bogotá, Cidade do México e Nashville.

Site oficial: www.onerpm.com

Fonte| ONErpm
Atendimento | Camila Crivellente – 11 99200-2911 – camila@tudoempauta.com.br
Coordenação | Leandro Giometti – 11 9 9200-5404 – leandro@tudoempauta.com.br
Gerência Operacional | Patrícia Saraiva – patricia@tudoempauta.com.br
Direção Executiva | Erika Digon – erika@tudoempauta.com.br

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com