PAPISA busca inspiração em arquétipos de deusas no cinematográfico clipe de “Intuição”

Os mais de 10 anos de carreira e estrada não foram suficientes para sanar a vontade de criar da compositora e multi-instrumentista Rita Oliva, voz à frente da banda Cabana Café e do duo de dream pop Parati. Desde 2016, ela explora um universo novo e traz a experimentação para a produção de músicas e performances de PAPISA, alter ego que lhe rendeu um elogiado EP homônimo e denominações como “Cat Power psicodélica” (Popload) e “bruxa sabia” (Noisey), além de shows pelos estados da Bahia, Pernambuco, Alagoas, Paraíba, Espírito Santo, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Goiás – que já dão indícios do que está por vir com seu álbum de estreia.

Se um impulso une Rita à PAPISA, é preciso estar atento aos detalhes, olhar ao redor, sentir os aromas da floresta e tatear o solo fértil para captar o clima do videoclipe da faixa “Intuição”, uma viagem etérea em busca da figura da Sacerdotisa, ou Papisa – inspirada na energia Yin, do princípio feminino, nas mulheres que exerciam funções sacras nas antigas religiões e também no arcano II do tarô de Marselha. Entre árvores e rios, figuras místicas se misturam para desaguar em uma só: quieta, instintiva, intuitiva.

Ao longo do clipe, personagens inspiradas em arquétipos de deusas da mitologia percorrem a natureza em ações onde a sensorialidade prevalece. “As mulheres carregam facetas de todas as deusas dentro de si, e o clipe busca explorar isso de uma maneira pessoal e subjetiva”, revela Rita. O clipe tem direção assinada por Manoela Chiabai, Daniel Barosa, José Menezes

A faixa, uma onda pop e enérgica que fala sobre abrir a escuta para a própria voz interior, lida com contrastes: “É doce mas também tem um clima sombrio, e buscamos trazer essas nuances para o filme”, completa a artista. Na sombra a minha fala encontra outro tom rasteiro/ E a cor da tua cara entrega/ Que minha intuição já viu/ Mas eu não. Movimentos, muitas vezes, revelam por si o que não conhecemos.

SACERDOTISA

PAPISA é autora e executora de sua própria obra, inspirada no arquétipo da sacerdotisa, também representada pelo arcano II do tarô (“A Sacerdotisa” ou “A Papisa”).  A vontade de explorar suas potencialidades levou Rita Oliva, o nome por trás – ou à frente – de Papisa, a gravar todos os instrumentos de seu primeiro single, “Instinto”, e a produzir seu próprio EP, lançado pelo selo pernambucano PWR Records – dedicado exclusivamente a bandas com mulheres. Atualmente, PAPISA se apresenta em formato solo, tocando guitarra e criando loops de voz que convidam o público a um transe místico, enquanto o pulsar de beats e programações incita o despertar dos sentidos do corpo.

REDES
papisabrisa.com
fb.com/papisabrisa
instagram.com/papisabrisa

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com