Little Nation apresenta show intimista em São Paulo


No Teatro Viradalata, o duo mostra seus sucessos e prepara uma inédita para o público 

A proximidade com a plateia foi colocada como prioridade no show de Little Nation, no próximo dia 15 de março (quarta-feira), às 21h, no Teatro Virada Lata, zona oeste de São Paulo. O recinto com um ar doce e que recebe shows calorosos foi escolhido com carinho e faz parte do clima suave que a apresentação promete.

O show intimista contará com um repertório autoral e todas as faixas já lançadas pelo duo, entre elas “Unknown”, canção que faz parte da trilha sonora da novela “Sol Nascente” (Rede Globo). Além disso, os dois prepararam uma inédita para esta noite, “Once Upon a Time”, e duas releituras muito originais de faixas que são famosas em trilha sonora de filmes, “City Of Stars” (La La Land) e “Can’t Stop de Feeling” (Trolls).

A apresentação também terá convidados que acompanharão o duo em seu som acústico. Mônica Agena (Banda Moxine) chegará com guitarra e violão complementar; Fernanda Kostchak (Banda Vanguart) com violino; Luis Gustavo Coutinho (Banda Falso Coral) tocará viola caipira e Diego Aquino tocará baixo.

Os clipes oficiais de “Passos Perdidos” e do single “Unknown” serão projetados ao longo do show e o novo clipe, da faixa “Silence”, que só terá lançamento oficial em abril, também será exibido em primeira mão aos presentes. “Silence” e “Unknown” fazem parte do álbum de estreia da banda “Hum” com 11 faixas, lançado no último ano e sucessor do EP “Just Stay” (2015), dono de “Passos Perdidos”.

“O show nasce da essência das nossas composições”, conta o produtor, vocalista, instrumentista e compositor Rique Azevedo que não consegue esconder a ansiedade.

Sobre Little Nation

Foi em 2010 que o caminho de Rique Azevedo juntou-se com o da vocalista e compositora Samille Joker e formaram o duo potente de folk. Samille fez carreira anteriormente com o DJ e produtor Deeplick, no projeto
de electro-pop “Ain´t No Joke”. Mas sua voz marcante, que remete a ícones como Emmylou Harris, Lucinda Williams e outras, só é devidamente aproveitada aqui. Rique Azevedo tem no currículo uma passagem no A&R da Universal, tocava guitarra na banda de pop rock Código B, além de elaborar sua produção autoral. Ambos têm larga trajetória como compositores e esse emaranhado de histórias culminam no encontro dos dois.

Serviços
Data:
15 de março (quarta-feira)
Local: Teatro Viradalata l R. Apinajés, 1387 – Perdizes, São Paulo
Duração do espetáculo: 50 minutos
Classificação etária: 12 anos
Ingressos: Inteira R$ 50 l Meia-entrada R$ 25
Venda online: https://m.ingressorapido.com.br/event?id=56386&b=0

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com