Lila lança clipe para Bicheiro do Meu Samba com direção de Cartiê Bressão

Vocalista do Fogo e Paixão encarna passista em discussão amorosa em plano sequência filmado na madrugada do Centro do Rio

Uma madrugada fim de carnaval e uma briga de amor. Essa é a premissa do clipe da música “Bicheiro do meu Samba”, que está no EP de estréia da cantora Lila.

Dirigido por Pedro Garcia, o Cartiê Bressão, e gravado num plano sequência numa madruga do Centro do Rio, o espectador se transforma em interlocutor e trava uma briga poética com a passista já em fim de desfile. Desde o princípio, as discussões já não fazem mais sentido e se perdem, junto ao sincronismo da fala, enquanto a interação vai se tornando cada vez mais difícil e incômoda ao longo dos três minutos de música.

O figurino, quase que um segundo personagem do roteiro, foi feito exclusivamente para Lila pelo estilista e carnavalesco Rogério Santinni. A direção de movimento é de Thiago Felix,  e a beleza samba-trash, de Fox Goulart. Quem assina a produção é a Epidemia, com a fotografia de Pedro Faerstein.

A musica “Bicheiro do Meu Samba”, composta em parceria da cantora com Matheus VK e o produtor de seu EP, Lucas Vasconcellos, e é uma narrativa de amor que usa o carnaval como alegoria.

Sobre o diretor do clipe, Pedro Garcia

Pedro Garcia fantasiou-se de lambe-lambe num carnaval carioca, em 2011, e criou o personagem Cartiê Bressão, um fotógrafo flanêur que retrata o cotidiano da Cidade Maravilhosa. O projeto, que começou apenas com uma conta de Instagram, hoje conta com livro publicado e exposições em galerias, em espaços como o Palácio do Planalto e o Aeroporto do Galeão. Pedro também é um dos fundadores da empresa Queremos!, que já trouxe ao Brasil mais 70 nomes internacionais, como LCD Soundsystem, Chemical Brothers, Gossip, Vampire Weekend e Franz Ferdinand.

Fotos de divulgação do disco: Filipe Raposo

Mais sobre Lila

Com seu primeiro trabalho solo “Lila” lançado em 2015, a cantora já foi uma das três indicadas pelo júri de especialistas do Prêmio Multishow como “Artista Revelação” e também foi escolhida como uma das apostas do Spotify para o ano de 2016. Sua musica “Aparição” foi a mais compartilhada da plataforma de streaming, superando artistas como Justin Bibier e M.I.A.

 

Fotos de divulgação do disco: Filipe Raposo

Lila, que nasceu na remota cidade de Santana, no Amapá,  foi criada no meio de uma família mineira amante da música e se mudou para o Rio ainda criança. Sempre esteve envolvida em corais e, mais tarde, tambem descobriu a paixão pelos ritmos, participando da bateria de diversos blocos cariocas. Sua paixão pelo carnaval lhe rendeu o título de Musa do Carnaval de Rua do Rio, promovido pelo Jornal O Globo para celebrar o ressurgimento dos blocos em 2012. Atualmente, ela é também uma das vocalistas do bloco Fogo e Paixão.

Seu primeiro trabalho solo, um EP homônimo produzido por Lucas Vasconcellos (Letuce) e pelo produtor de hip-hop Iky Castilho, foi gravado numa casa de praia no Rio. O trabalho tem músicas inéditas de Domênico Lancelotti e Alberto Continentino, e co-autorias de Lila, Lucas Vasconcellos e Matheus von Kruger. A sonoridade traz timbres e arranjos contemporâneos que refletem a rica história musical e as influências da cantora.

Para saber mais sobre a Lila:
Site
Facebook
Instagr.am
Soundcloud
YouTube
Twitter

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com