Larissa Baq alça voo com lançamento de seu primeiro álbum, • v o a •

Chega hoje às plataformas digitais, o primeiro álbum da cantora, compositora e multi-instrumentista Larissa Baq.  Produzido pelo violonista e guitarrista austríaco Michi Ruzitschka, • v o a • (2016) é resultado de um processo de maturação da artista francana que reúne experiências de apresentações em diferentes palcos, formatos e países.

  • v o a • (2016), conjugado para uma terceira pessoa, é o desejo profundo e sincero da “cantautora”: de que as pessoas tirem os pés do chão e alcem mais voos. O céu é o limite quando se trata da sonoridade do disco, que permite liberdade de gêneros, ritmos e timbres.

d3dad65c-4385-4e90-a4eb-d98d4efffb86A participação de nomes ímpares impulsiona esse voo, como a poesia fina e musicalidade da rapper inglesa LyricL na faixa “Vida que Segue“. Pedro Altério, do quinteto 5 a Seco, participa da faixa “Bocas“ e Felipe Roseno (Ney Matogrosso, Maria Gadu, Elza Soares) deixa sua marca inconfundível no arranjo e baterias eletrônicas em “Ver tu Dançando“.

Entoadas em canto cálido, as composições são espaçadas, como se fossem ditas devagar, e apresentam temática de “seguir em frente”, seja com um amor, uma decisão, um medo. O álbum convida à reflexão: “ficar parado pra quê?”.

Faixas:

1- Pausa
2- Vida que Segue
3- Não precisa de nome
4- Invernia
5- Clara
6- Bocas (ft. Pedro Altério)
7- Portuñol
8- Quiçá
9- Pule
10- Ver Tu Dançando (ft. Felipe Roseno)
11- Querência

• v o a •
Produção executiva: Larissa Baq
Produção musical e edição: Michi Ruzitschka
Mixagem: Rodrigo Costa Funai
Masterização: Felipe Tichauer

Ouça • v o a •
Download gratuito

Spotify
Deezer
Youtube
GooglePlay

Sobre Larissa Baq:

Representando a nova safra de cantores e compositores brasileiros, Larissa Baq já abriu shows de importantes artistas como Maria Gadu, Rubel, Diogo Nogueira, Flávio Venturini e Liniker. Além de realizar mais 80 shows em 2015, neste mesmo ano também criou o projeto “Compositoras Existem!“, exaltando a música de compositoras mulheres de diversas nacionalidades e tempos, e o espetáculo instrumental “Improvisoul“.

Internacionalmente, esteve na programação do Brazilian Day Barcelona/Espanha, para onde levou o show de seu EP produzido por Fernando Nunes, iR (2012). Larissa já performou em renomadas casas de show de Londres, Paris, Lisboa, Porto e Barcelona, e teve oportunidade de abrir o shows de artistas como Renata Rosa, Max de Castro e Jair Oliveira pelos países que passou. Na América do Sul, se apresentou no circuito da música independente em Buenos Aires, La Plata, Punta del Diablo e Montevideo.
Larissa Baq nas redes sociais
Site

Facebook
Youtube
Instagram
Twitter

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com