Greyskull Chapel lança “Resilience”, seu novo EP

resilience-ep-cover

Com temática de resistência, o disco-narrativa conta com faixas oscilantes entre onírico e catártico

A Greyskull Chapel é uma banda de metal alternativo criada em 2013 por Arthur Zarpelon (vocal/guitarra), Daniel Ribeiro (guitarra/vocal), Douglas Oliveira (bateria) e Thiago Veiga (baixo). Influenciado por Deftones, Mastodon, Tool, A Perfect Circle, o grupo ainda conta com nuances estilísticas de stoner, doom metal, heavy metal, psicodelia setentista e o desert rock dos anos 90.

Em 2014, o quarteto lançou “Burden of Choice”, disco de estreia produzido por Edu Recife e gravado nos estúdios Revo e NaCena, ambos em São Paulo. Além de alcançar a segunda colocação entre mais de 400 concorrentes no “Boss Apresenta: Manifesto Rock Fest 2014”, a banda debutou seu primeiro videoclipe, “Decay”, em agosto de 2015. Após shows em templos do rock paulistano como Gillan’s, Manifesto Bar e Stage Bar, o grupo apresentou-se na Praça Vitor Civita e – em outubro do ano passado – iniciou as gravações de “Resilience”, seu segundo EP.

Concebido nos estúdios Family Mob, C4 e Abacateiro, tríade também localizada em São Paulo, o disco – mixado e masterizado por Samuel Braga Bordon – abarca três faixas enxutas, pensadas literalmente para começo, meio e fim de uma narrativa. Como um cronista social ciente de situações em que o poder emerge tanto com caráter manipulador quanto em forma de resistência, a banda maturou em “Resilience” a ambivalência de contrastes de texturas e intensidades sensíveis para, assim, propor uma obra com olhar musicalmente global.

Centrado na temática que relaciona o explorador (e o universo da exploração) e o sujeito (em seu respectivo cativeiro), “Resilence” vislumbra o levante/despertar coletivo a partir de “Ruiner”, faixa de abertura que aborda o ato exploratório como um perfil social em que as vantagens obtidas – sempre em detrimento do oprimido – ganham justificativas e nuances de pseudo-coerência. “The Corruption of Sense”, segunda música, é uma auto-reflexão de quem se descobre sendo explorado e, a despeito da dor, empreende forças para lutar por mudanças. Por fim, a narrativa do EP deflagra “Wound, Gas & Masterplans”, canção em que o antigo sujeito cativo – agora liberto – compreende a urgência de um levante para o alcance do ideal coletivo.

Decorrente da observação midiática na disseminação de informações que prevaleçam interesses particulares em esferas sociopolíticas, “Resilience” teve sua capa criada em parceria por Arthur Zarpelon e André Lucas Almeida, fotojornalista presente na linha de frente dos principais protestos em andamento no país. Com a imagem de São Paulo de cabeça para baixo em uma alusão aos contrastes urbanos e, maiormente, à união de um povo para se libertar do que o faz inerte, “Resilience” apresenta a Greyskull Chapel entre riffs e distorções flamejantes que conclamam do onírico ao catártico em um 2016 de retomada musical. We are the Chapel.

Para acompanhar:
• Facebook – https://www.facebook.com/greyskullchapel/
• Instagram – http://instagram.com/greyskullchapel (hashtags #greyskullchapel e #wearethechapel)
• Site oficial: http://www.greyskullchapel.com

Para ouvir e baixar gratuitamente:
• Apple Music – http://goo.gl/cqEl8F
• Amazon – http://goo.gl/pY
• Bandcamp – http://goo.gl/T6hgXU
• Deezer – http://goo.gl/5kwXvR
• Google play – http://goo.gl/X7tBFU
• Spotify – http://goo.gl/0unYho
• Soundcloud – http://goo.gl/VSpXFd

Para conhecer o trabalho fotográfico de André Lucas Almeida:
• CHOC Documental – https://www.facebook.com/chocdocumental/

Comunicação e produção:
• Bijou Monteiro – oprojetosingular@gmail.com / 11-974026537

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com