Ensaio com Billy Cobham

bc_setupA chuva não dava trégua em mais um atípico dia de verão em São Paulo. Após um bate papo de mais de uma hora no Hotel Bourbon Convention, em Moema, Faina Cobham, a mulher do lendário Billy Cobham, nos surpreendeu: perguntou se poderíamos levar Billy ao ensaio no estúdio Tonelada, localizado no bairro paulistano do Ipiranga. Foram dez quilômetros conduzindo a lenda viva da bateria. No porta malas, além do case de pratos e do notebook de Billy Cobham, levávamos também os pedais do guitarrista francês Jean-Marie Ecay. Em meio ao trânsito causado pela chuva, Billy nos perguntava sobre os nomes “Jurucê”, “Jandira”, “Moema”, que lia nas placas das ruas. Explicamos que são nomes indígenas, típicos do bairro de Moema. Adorou a sonoridade da palavra “Ibirapuera” quando passamos pelo parque a caminho do estúdio (explicamos também que a palavra quer dizer “madeira podre”, em Tupi-Guarani). Eis que Messi e o Barcelona entram na conversa! Billy nos surpreendeu ao contar que gostava de ir assistir às partidas do Santos nos anos 90, quando participou de um programa da UNICEF na baixada santista, e que não se surpreendeu ao ver o time do litoral perder a final do Mundial de Clubes para o time catalão. Entrou até na polêmica questão de Messi destronar Pelé neste século XXI. Já próximo do destino, deu mais uma de suas risadas autênticas quando mostramos o Museu do Ipiranga e contamos as aventuras extra conjugais de D. Pedro I e a Marquesa de Santos. Chegando finalmente ao estúdio, pediu que o ajudássemos a desembalar e montar o kit de bateria que já estava a sua disposição… Ah, claro, bateria. Falamos muito sobre isso também. É o que você vai ver em breve, numa entrevista exclusiva ao Drum Channel Brasil. Aguarde!

Depois de uma hora gravando a entrevista que você vai ver em breve, a equipe do Drum Channel Brasil acompanhou Billy Cobham ao ensaio para suas apresentações em São Paulo, onde participou do projeto “Queremos Miles”, no SESC Pinheiros. Nesse video, além de alguns momentos do ensaio, declarações do percussionista brasileiro Marco Lobo, que acompanha Billy Cobham há alguns anos, dos bateristas Junior Vargas e Sallaberry, que ajudaram na logística para o shows, e de Rodrigo, dono do estúdio Tonelada, onde Cobham montou e afinou o kit de bateria com que tocaria com sua banda, composta pelo guitarrista Jean-Marie Ecay, do tecladista Christophe Cravero, do baixista Michael Mondesir e de Junior Gil no steel pan. No final, uma mensagem aos usuários do Drum Channel Brasil.

[vimeo]https://vimeo.com/36025903[/vimeo]

 

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com