Com participação de Clarice Falcão e Aline Lessa, Daniel Villares lança Catavento

Foto: Zéca Vieira


Primeiro disco do cantor carioca foca em temática autobiográfica

O que vento traz? Segundo o primeiro disco do cantor e compositor carioca Daniel Villares, o leve frescor atrelado ao sentimento de liberdade. “Catavento” contém nove faixas inéditas e uma bônus, além da participação de Clarice Falcão e Aline Lessa. O trabalho está disponível nas maiores plataformas de streaming, vídeo e download pelo selo Garimpo, braço fonográfico da página Brasileiríssimos, especializada em cultura nacional e com mais de nove milhões de fãs.

“A mensagem do disco é a de você buscar ser feliz e ser a pessoa que você realmente é e não aquilo que as pessoas acham que você deve ser ou que você mesmo se convenceu que é o “correto” de se ser. Eu passei uma vida negando ser o que eu era e tentando me encaixar em certas expectativas, seja de terceiros ou próprias. No final das contas, resolvi seguir o meu sonho que eu tentei por tanto tempo sufocar, que é fazer música”, explica o cantor.

Como faixa bônus do material, “Forever”, com participação de Clarice Falcão, expõe a dualidade de momentos do cantor, já que foi gravada em 2014 para o EP “Man on The Moon”. Outra que tem participação especial é “Se Eu Disser”, com Aline Lessa, funcionando como uma conversa entre um casal sobre o caminho de seu relacionamento. Bubu Silva, trompetista do Los Hermanos, também participa do animado frevo “Eu Juro”. O primeiro single é “O Que o Vento Traz”: um registro sentimental voz e violão que versa sobre olhar para trás e passar as coisas boas para frente.

O disco tem masterização, produção e mixagem de Elísio Freitas (Lenine, Moska, César Lacerda), co-produção de Gus Levy (Rubel) e arte de Letícia Miranda. Os músicos que gravaram foram, além dos produtores e do artista, Nelsinho Freitas (acordeom), Miguel Travassos (bateria), Pedro Fonte (bateria), Kayan Guter (baixo) e Caio Barreto (violão). Todas as composições são de Daniel Villares.

Sobre Daniel Villares:

Cantor e compositor carioca, Daniel transita entre diversos estilos musicais e referenciais culturais, puxando principalmente a música americana e britânica da década de 60, o samba, o jazz, o groove e a MPB. Possui centenas de músicas e se manteve recluso até o lançamento do EP “Man on The Moon”, em 2014, recebendo elogios de artistas como Mallu Magalhães e Clarice Falcão.

Após um período de autoconhecimento, Daniel se redescobriu e mudou sua forma de compor e se expressar, criando o disco “Catavento”, lançado em junho de 2017. A primeira faixa a ser lançada foi “Sei”, na coletânea Garimpo, lançada pelo selo de mesmo nome, que em seguida o contratou. O carro chefe do registro é a canção “O Que o Vento Traz”, com clipe dirigido pela TocaVídeos.

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com